Assessor parlamentar é encontrado morto em  casa

Senhorio sentiu o mau cheiro vindo do imóvel

Na manhã do último  dia 29, agentes lotados na Unidade de Polícia de Proximidade  (UPP), do Belém, foram acionados para verificar a informação de encontro de corpo em um imóvel na Avenida Bom  Jesus, no mesmo bairro. Ao chegar no local eles no local eles encontraram uma ambulância do SAMU.  A médica da equipe informou aos policiais que devido ao estado do corpo não era possível precisar se a morte havia sido natural.  Explicou que o corpo de Péricles Vineth de Souza, de 51 anos, havia sido descoberto pelo senhorio dele, um idoso de 69, que diante do óbito do inquilino acionou as autoridades competentes.  

O corpo foi encaminhado ao IML, no Bracuí. Os peritos  disseram que a morte havia ocorrido há  quase quatro dias e que devido ao adiantando estado de decomposição não era possível precisar a causa. Disseram, no entanto, que não havia sinais de violência no corpo e que não descartavam a morte por  causas naturais, uma  vez que Péricles tinha problemas cardíacos.  

A morte de Péricles causou comoção. Ele era muito conhecido e querido pelo serviço social que prestava a quem precisasse e pela atuação política na cidade. Era assessor parlamentar do vereador Branco, que divulgou uma nota de pesar em suas redes sociais. Péricles foi sepultado no Cemitério do Belém, na manhã do último dia 30. Em consequência do que aconteceu, o corpo saiu diretamente  do IML para o cemitério, sem a realização de um velório.  

Deixe um comentário