Polícia Ambiental constata corte de pedra com uso de explosivos

Policias militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual da Juatinga, cumprindo ordem de policiamento com objetivo de checar a veracidade de denúncia recebida através do Linha Verde (0300 253 1177), programa do Disque Denúncia voltado para meio ambiente, estiveram na terça-feira, dia 20 de setembro, em Trindade, distrito de Paraty, onde identificaram a extração irregular de substância mineral.

De acordo com os agentes da 4ª UPAm, as informações do Linha Verde mencionavam o corte de pedra e construção irregular na Avenida Doutor Sobral Pinto, sem qualquer autorização ambiental por parte do município. Ao chegarem no local denunciado, constataram a existência do ilícito denunciado, com 15 metros cúbicos de pedras cortadas, com aparente uso de explosivos e ponteiro de ferro. Foram realizadas diligências a fim de localizar o autor dos fatos, mas sem sucesso. Diante dos fatos e com base no artigo 55 da lei de crimes ambientais, os agentes procederam à 167ª DP, para o registro da ocorrência.

O Linha Verde, programa do Disque Denúncia voltado para o meio ambiente, solicita a ajuda da população para denunciar crimes ambientais em todo o Estado do Rio. Por telefone, as denúncias podem ser feitas pelos números 0300-253-1177 (custo de ligação local) ou (21) 2253-1177. O serviço também disponibiliza o serviço via Internet, através do aplicativo para celular “Disque Denúncia RJ”, pelo WhatsApp através do (21) 99973-1177, pelo site do Disque Denúncia ou pelo Facebook. Em todos os canais o anonimato é garantido ao denunciante.

Deixe um comentário