Saúde do município não possui Profilaxia Pré-Exposição

Secretaria respondeu que profilaxia será implantada em breve; preservativo é a melhor forma de prevenção

A Profilaxia Pré-Exposição ao HIV é um método de prevenção à infecção pelo HIV. Consiste na tomada diária de um comprimido que permite ao organismo estar preparado para enfrentar um possível contato com o HIV, ou seja, o indivíduo se prepara antes de ter uma relação sexual de risco para o HIV. 

Muito difundido por profissionais de saúde, que antes de tudo orientam para a prática de um sexo seguro, com o uso de preservativos, o tratamento não estaria sendo disponibilizado pela Secretaria de Saúde de Angra dos Reis, segundo os relatos de um denunciante, que procurou o Jornal A CIDADE. 

Segundo o leitor, que terá o nome preservado, na última semana teve uma relação sexual não segura e procurou a rede municipal de saúde, para fazer a profilaxia, preconizada pelo Ministério da Saúde. 

“Tanto falam sobre a importância em ministrar a PrEP logo em seguida a uma relação totalmente sem prevenção, como foi no meu caso, reconheço o erro, mas é inadmissível que não possamos contar com os medicamentos de forma gratuita. Solicitei a ajuda de um amigo, que me levou a vários postos e pasmem, me indicaram a uma estratégia de saúde, onde lá ninguém sabia do que se tratava essa profilaxia”, resumiu o jovem. 

É importante ressaltar que a PrEP não protege de outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (tais como sífilis, clamídia e gonorreia) e, portanto, deve ser combinada com outras estratégias de prevenção, como a camisinha. 

A reportagem de A CIDADE entrou em contato com a Secretaria de Saúde do município, que respondeu que “o processo para a iniciação da Prep está em andamento e em breve ela será implementada em Angra dos Reis”. 

Deixe um comentário